Imagem card Quem Somos

Quem Somos

Somos os freis do Vicariato Agostiniano Nossa Senhora da Consolação do Brasil e temos como propósito frutificar o carisma agostiniano em terras brasileiras, através das nossas obras.

Santos
e Beatos

Beata Maria Catarina de Santo Agostinho
08 de maio

Imagem card Vida e Obra de Santo Agostinho

Vida e Obra de Santo Agostinho

Santo Agostinho (354-430), africano de nascimento e romano de cultura, é um patrimônio de santidade e cultura não só da Igreja, mas de toda a humanidade...

Toma e Lê Inspiração para meditar

“Quando esvaziares teu coração do amor terreno, começarás a enchê-lo do amor divino. (Tratado da carta de São João 2.8).”
- Santo Agostinho

Eventos

05out Imagem destaque da evento Encontro anual da Fraternidade Agostiniana Leiga
Encontro anual da Fraternidade Agostiniana Leiga
27set Imagem destaque da evento 5ª Jornada Agostiniana da Juventude
5ª Jornada Agostiniana da Juventude

Notícias

20set
Encontro Anual da Fraternidade Agostiniana Leiga

Participantes dos Núcleos da Fraternidade Agostiniana Leiga de Belo Horizonte e do Rio de Janeiro se reúnem no Encontro Anual que será realizado em Belo Horizonte, nos dias 5 e 6 de outubro.

O evento tem como tema Fraternidade e Agostinianodade "A unidade se cria, se refrça e se protege pela comunhão no amor" (Santo Agostinho, Com. Ev. Jo. 32,7)

Programação:

5 de outubro
8h - Café e acolhida 
9h - Oração
9h45 - Integração
10h30 - Café
11h - Assessoria: Fraternidade
12h30 - Almoço
14h30 - Vivência nas fraternidades
15h30 - Café
16h - Assessoria: Agostinianidade
17h - Intervalo
20h30 - Jantar Agostiniano

6 de outubro
8h - Missa
9h - Café
9h30 - Planejamento 2020
10h30 - Café
11h - Avaliação celebrativa
12h30 - Almoço e encerramento

20set
Convivência como forma de educar socialmente para os direitos humanos

No artigo "A pedagogia social voltada para a convivência como forma de educar socialmente para os direitos humanos", publicado no site pensaraeducacao.com.br , o frei Arthur Vianna Ferreira ressalta três aspectos educacionais importantes para o bom êxito do desenvolvimento de práticas de convivência na educação em espaços não escolares: a educação para a solidariedade; uma educação para a não violência;  e, a educação para a dignidade humana.

"Contudo, o valor à vida, como conteúdo basilar de construção de práticas socioeducativas, se desdobra em três aspectos educacionais importantes para o bom êxito do desenvolvimento de práticas de convivência na educação em espaços não escolares: a educação para a solidariedade, que deverá promover uma reflexão sobre a pobreza e a justiça vivida pelos grupos sociais; uma educação para a não violência, que suscitará repensar sobre o ódio presente nas relações sociais, a não criação de maniqueísmo ou a derrubada da criação de inimigos na convivência social; e, a educação para a dignidade humana que buscará entender os outros dois elementos importantes nas relações sociais: o medo, inerente à convivência humana com aquilo que pode desestruturar as representações sociais e cognitivas de um grupo sociail sobre o mundo ao seu redor; e, a democracia, como possibilidade dos indivíduos serem e estarem no mundo, participando ativamente como cidadãos e da política local, assim como levando a cabo, a vivência dos direitos humanos como parte constitutiva de nossa existência".

- Clique aqui para ler o artigo completo .

19set
Festa de Santa Cruz reúne 32 comunidades em Chapada do Norte

A Paróquia Santa Cruz, de Chapada do Norte (MG) preparou uma programação especial para celebrar a Festa de Santa Cruz, nos dias 12 a 14 de setembro.

O bispo diocesano de Araçuaí, dom Marcello Romano presidiu a Celebração Eucarística do sábado, dia 14.  Durante as comemorações, os freis Paulo Gabriel, Leandro Carvalho, Renato Freitas e Jeferson Felipe, celebraram em comunhão com representantes das 32 comunidades rurais da Paróquia, que participaram da programação.

Imagem card Vocações

Vocações

Assim como Santo Agostinho, encontre em Jesus o sentido da vida.

O nosso Vicariato investe em uma formação de excelência para os candidatos à vida religiosa e ao sacerdócio. Essa promoção de novas vocações se dá pelo esforço e preocupação de muitos religiosos, em especial os mais jovens, que buscam ser testemunhas alegres que despertem e animem outros jovens a se juntarem a nós nessa aventura de fé e amor a Deus.

Imagem card Nossas Obras

Nossas Obras

Nos dedicamos as nossas obras com muita generosidade e determinação.

Além das "obras históricas" e de assistência social e promoção humana, nos dedicamos à formação de novos frades, assessorias de pastorais e movimentos populares e de grupos e pastorais ligadas à promoção dos direitos humanos, da justiça e paz.

Mapa do Site